Prefeitura de Andrelândia conquista nível de excelência no Índice Firjan de Gestão Fiscal

Desde 2017 o município evolui neste índice

 

O município de Andrelândia evolui pelo quarto ano consecutivo no índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF), atingindo em 2020 o seleto grupo de Gestão de Excelência, com 0,8172 pontos. Com esta pontuação, Andrelândia avançou mais uma vez no ranking, conquistando a 509ª posição no Brasil e a 87ª no Estado.

O IFGF leva em consideração os indicadores de Autonomia, Gastos com Pessoal, Liquidez e Investimentos. Após a análise de cada um deles, cada município é classificado em um dos conceitos do estudo: Gestão Crítica (resultados inferiores a 0,4 ponto), Gestão em Dificuldade (resultados entre 0,4 e 0,6 ponto), Boa Gestão (resultados entre 0,6 e 0,8 ponto) e Gestão de Excelência (resultados superiores a 0,8 ponto).

O município de Andrelândia não só conquistou o nível de Gestão de Excelência, como ainda conseguiu a pontuação máxima no tópico de Gastos com Pessoal, que leva em consideração o grau de rigidez do orçamento; e na área de Liquidez, no qual o Sistema Firjan avalia o cumprimento das obrigações financeiras do município.

A Administração 2017-2024 conseguiu em pouco mais de quatro anos sair do Conceito D (Gestão Crítica) no ano de 2016, para Conceito A (Gestão de Excelência) em 2020.

Esta pontuação histórica do município de Andrelândia é mais uma prova que a atual administração zela cada vez mais pelo dinheiro público e consequentemente pelo cidadão andrelandense.

 

O que é o Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF)

Criando em 2012, o Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) acredita que o equilíbrio das contas públicas é crucial para a garantia de um ambiente de negócios competitivo e geração de emprego e renda para a população, sendo que os municípios têm papel fundamental nesse processo.

Com isso, o IFGF busca contribuir com o debate sobre a eficiência da gestão fiscal, trazendo como foco a administração dos recursos públicos pelas prefeituras.